bb6

Idiot: Conta-nos quem és e como começaste a tua carreira.
Tomás e Leandro: – Ambos com início similar, primeiros passos em bares e festas para amigos. Foi com a WAKE UP Prod que por volta de 2006 vimos crescer as situações ao vivo e que levou também à nossa junção e ao nome do projecto DUO METHOD. Recentemente e em conjunto com a RDZ Music Agency, actuar de Norte a Sul de Portugal e o trabalho de estúdio contemplado com 11 discos editados é o que temos feito nestes últimos 6 anos.

Idiot: Que equipamento costumas usar nas tuas actuações?
Tomás e Leandro: Discos de vinil, cds , cartões de memória, controladores midi, processadores de efeitos, ipad phones.

Idiot: Na tua opinião, qual é o estado da dance scene portuguesa, e o que farias para a melhorar?
Tomás e Leandro: Pensamos que a cena de dança portuguesa está cada vez melhor, mais clubes a nascerem de norte a sul, com programações de grande nível e com uma oferta de grande escala em todos os sectores. O público, por sua vez, cada vez mais esclarecido, mas também mais exigente. Para isso tem contribuído as novas plataformas de comunicação em todas as partes envolventes desde artistas, programadores, gerências e todo um motor de busca pronto a ser utilizado sempre que queiras saber tudo sobre isto ou aquilo. Isto são os dias de hoje, onde a adaptação é obviamente mais fácil para uns do que para os outros, mas no geral é positivo.
Para ajudar a melhorar temos vindo a dar o nosso contributo sempre que nos é possível, fazendo actuações ao vivo para que possamos apresentar a nossa visão de estruturar e conduzir os dj-set’s e também com o trabalho de produção em estúdio, resultando nas edições que têm vindo a acontecer desde 2008.
Por outro lado, existem certamente assuntos menos positivos a abordar sobre a dance acene em Portugal. Preferimos deixar de matar o cérebro a pensar “os porquês” e em vez disso canalizar esse tempo para aumentar a base de conhecimentos sobre os assuntos que realmente nos interessam. Já o fizemos…deixámos de o fazer por não encontrarmos explicações plausíveis mas sim explicações cada vez mais descabidas, acompanhadas de argumentos fracos e supostamente sustentados nas tendências do actual mercado. Argumentos esses por vezes despejados nos nossos ouvidos como se fossem únicos e os mais válidos ou valiosos. Tudo isto também com uma boa dose de constatação de factos que pura e simplesmente roça o conhecido ditado “ O barato sai caro “.

Idiot: Quais os teus planos para 2013, “o ano da criatividade”?
Tomás e Leandro: Continuar a sentir paixão por estar em contacto directo com a criação, a aprendizagem .. e continuar a ver crescer projectos como este para quem respondemos com enorme apreço. Votos de sucesso com toda a fantástica equipa para que continuem a criar com inovação e paixão .

http://www.residentadvisor.net/dj/duomethod
http://www.youtube.com/duomethod
http://www.myspace.com/duomethod
http://www.soundcloud.com/duomethod
http://www.discogs.com/artist/duo+method

Texto: Bernardo Alves